quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Bigardi afirma que Ciro Gomes ficou impressionado com o apoio de grupo político à sua candidatura ao governo de São Paulo

.
Partidos da base do governo Lula consideram o parlamentar como um nome forte e capaz de mudar o poder que está nas mãos do PSDB há 20 anos no Estado

- Texto: Eliane Silva Pinto / Foto: Wagner Soares

Pedro Bigardi, Ciro Gomes e Nádia Campeão

O deputado estadual Pedro Bigardi participou, nesta quarta-feira, 24 de fevereiro, da reunião entre os partidos da base de sustentação do Governo Lula e o deputado federal Ciro Gomes, na qual foi debatido o projeto político para São Paulo e uma possível candidatura do parlamentar ao governo do Estado.

O encontro aconteceu na sede nacional do PSB, em Brasília, e contou com a participação de importantes lideranças, entre elas o deputado federal Aldo Rebelo, do PCdoB, Nádia Campeão, presidente estadual do PCdoB, Márcio França, presidente estadual do PSB, Edinho, presidente estadual do PT, Paulinho da Força, do PDT, os deputados federais João Paulo Cunha (PT) e Abelardo Camarinha (PSB), além dos deputados estaduais Rogério Nogueira (PDT) e Vinícius Camarinha (PSB).

As lideranças partidárias expuseram ao deputado o quadro político do Estado de São Paulo e foram unânimes ao apontar o deputado federal Ciro Gomes como único político capaz de unificar todos os partidos da base do Governo Lula em torno de uma candidatura ao governo estadual. O próprio PT apóia integralmente uma possível candidatura do deputado. Essa decisão foi tomada em reuniões do grupo que apontam Ciro Gomes como um nome forte e capaz de mudar o poder que está nas mãos do PSDB há 20 anos em São Paulo.

“A candidatura de Ciro Gomes ao governo do Estado eleva a outro patamar a disputa eleitoral, pois ele é um nome nacional com vasta experiência política”, destaca o deputado estadual Pedro Bigardi. Na opinião do grupo, Ciro Gomes possui capacidade política para enfrentar os grandes problemas do Estado: segurança pública, educação, desenvolvimento econômico, entre outros.

Embora com todo o apoio recebido, Ciro Gomes mantém sua candidatura à presidência da república por entender que há uma fragilidade no quadro político nacional. Porém, o deputado federal não descartou totalmente a possibilidade de ser candidato ao governo de São Paulo, desde que isso faça parte do projeto nacional para a continuidade do governo Lula. Ciro agradeceu o apoio recebido dos partidos e se diz lisonjeado com a confiança e respeito demonstrado pelas lideranças partidárias.

“A reunião foi muito positiva e abre perspectiva de diálogo com o deputado Ciro Gomes para a discussão de uma eventual disputa no Estado de São Paulo”, ressalta a presidente estadual do PCdoB, Nádia Campeão. Ela retribui o bom resultado da reunião à união dos partidos que, desde o ano passado, discutem a melhor alternativa para a disputa no Estado. “A reunião de hoje contou com a presença de lideranças estaduais e federais do PCdoB, PSB, PDT e PT e todos os presidentes estaduais, isso demonstra o grau de comprometimento dos partidos ao plano estadual e nacional”, afirma.

Segundo Nádia, o grupo formado pelos partidos PCdoB, PSB, PDT, PT, PSC, PTN, PSL, PPL e PRB continuará as articulações para as eleições de 2010 e pretende conquistar mais partidos para integrar a luta pelo governo do Estado de São Paulo. Mais duas reuniões com o deputado federal Ciro Gomes ficaram agendadas para março e abril em São Paulo, em local a ser escolhido pelo parlamentar.

Um comentário:

Ludmila disse...

Eu gostaria muito que o Ciro se candidatasse para governador de SP. Só da minha família teria uns 15 votos.