quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Hospital Regional de Jundiaí: Deputado Pedro Bigardi apresenta requerimento de informação ao governo estadual

.
O deputado estadual Pedro Bigardi protocolou hoje, 29 de outubro, requerimento de informação na Assembleia Legislativa destinado ao governo do Estado, para que seja esclarecido qual o real projeto para a Casa de Saúde de Jundiaí.

No documento o deputado pede explicações quanto ao projeto de implantação do Hospital Regional e se, na eventualidade de algum obstáculo que possa impedir a implantação, o governo do PSDB possui outra alternativa de local. Prazo e cronograma também são questionados no requerimento.

O deputado requer explicações também do governo estadual quanto à parceria com a prefeitura de Jundiaí, as responsabilidades de ambos e se há algum convênio firmado. Outra questão diz respeito à participação da comunidade médica e da sociedade local na elaboração do projeto. “É fundamental conhecermos o real projeto do governo do Estado para a Casa de Saúde de Jundiaí e assim reivindicar do governo empenho para a instalação do Hospital Regional”, declara Bigardi.

Um comentário:

Priscila disse...

DEPUTADO GOSTARIA DE SABER SE O SENHOR APÓIA A PEC 300,POIS TODAS AS VEZES QUE ASSISTI AS SESSÕES EU NÃO CONSEGUI ACOMPANHAR NENHUM DISCURSO DO SENHOR.POIS O SALÁRIO DOS PMs DE FATO É UMA VERGONHA,SUPER VALORIZAM OUTRAS PROFISSÕES E AQUELAS QUE SÃO DE SUMA IMPORTÂNCIA PRINCIPALMENTE PARA INTEGRIDADE FÍSICA DOS CIDADÃOS SÃO ESQUECIDAS.
UM SALÁRIO DE $1600,00 E SEM FGTS ,POIS ELES NÃO TEM,NÃO CONTRIBUI NEM PARA QUE ELES TENHAM SUA RESIDÊNCIA PRÓPRIA. E OS EMPRESÁRIOS QUE SABEM DOS BAIXOS SALÁRIOS OS CONTRATAM PARA OS BICOS COM DIÁRIAS VERGONHOSAS E FAZEM ATÉ PECHINCHA CRIANDO RIXA ENTRE OS POLICIAIS QUE ACABAM PRESTANDO SERVIÇOS POR MIGALHAS PARA COMPLEMENTAREM SEUS RENDIMENTOS.
ACABAM SENDO MAIS DESUMANOS E INJUSTOS QUE O PRÓPRIO GOVERNO,USANDO OS POLICIAIS E A ESTRUTURA DOS ESTADO PARA TEREM UMA SEGURANÇA DE BAIXO CUSTO E SEM TEREM QUE ASSUMIR ENCARGOS TRABALHISTAS.ABRAÇOS A TODOS.